Conselhos Regionais de Biomedicina já foram notificados pelo Federal sobre a normativa que autoriza Biomédicos a realizar o procedimento de Fios de Sustentação Facial.

Colocados por meio de microcânulas estéreis, individuais e descartáveis os Fios Absorvíveis de Sustentação Facial, são implantes subdérmico e dérmico profundo, com agulhas injetáveis. Não há necessidade de suturas, pois não existem cortes.

Assim como preenchedores, toxinas, microagulhamento e outros procedimentos estéticos, invasivos não-cirúrgico, não existe a necessidade do uso de antibióticos e nem antinflamatórios. Após a implantação, o organismo o absorve, entre 10 a 12 meses, estendendo o efeito por mais dois anos pelo estimulo provocado e formação de colágeno no local.

Lembrando que, de acordo com a portaria 15/99 da CSV e a RDC 185/2001, o procedimento de Fios de Sustentação Facial é considerado um procedimento estético invasivo não-cirúrgico,  classificado como classe I, ou seja, pode ser realizado em consultório sem o uso de anestesia geral.

Curso de Fios de Sustentação

Deixe aqui seu Comentário

Login com:

Loading Facebook Comments ...

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor insira seu comentário aqui!
Please enter your name here

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a biomedicina estética é legítima, um direito do biomédico, do biomédico esteta, do graduando em biomedicina e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.