Anvisa suspende o uso de alisamento de cabelos fabricado no Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, suspendeu a divulgação, comercialização e uso do produto “Escova Redutora de Volume – Creatina” e “Complexo Ativo Aminoácidos Leite Vegetal”, fabricado pela empresa Brenak, da marca Acquaflora. De acordo com a agência, a medida foi tomada após laudo emitido pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em […]
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, suspendeu a divulgação, comercialização e uso do produto “Escova Redutora de Volume – Creatina” e “Complexo Ativo Aminoácidos Leite Vegetal”, fabricado pela empresa Brenak, da marca Acquaflora. esc De acordo com a agência, a medida foi tomada após laudo emitido pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde da Fiocruz. O documento revelou resultados insatisfatórios no ensaio de determinação de PH, concluindo que o produto pode ser corrosivo, pela extrema acidez apresentada. Ainda segundo a ANVISA, o produto não possui registro. Com a suspensão a empresa deve promover o recolhimento de todos os lotes existente no mercado. Recomendações de Biomédicos Estetas: Ao utilizar de produtos que serão aplicados nos cabelos, é imprescindível que se verifique se há o registro na Anvisa, como determina a Lei 6.360/76 . Presidente da Sociedade Brasileira de Biomedicina Estética, Ana Carolina Puga, esclarece: “Deve-se evitar o uso de substâncias no couro cabeludo, ou em qualquer parte do corpo, que não passou por avaliação do órgão competente. Este produto pode conter substâncias proibidas ou de uso restrito, em condições e concentrações inadequadas ou não permitidas o que acarreta riscos à saúde “.    

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2010-2021. Portal da Biomedicina Estética.
logo biomedicina estética