Anvisa suspende venda de equipamentos irregulares utilizados em clínicas estéticas

Equipamentos estéticos com registro podem ser utilizados com segurança A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa, suspendeu a fabricação e distribuição de alguns equipamentos estéticos da empresa LipoTec. São eles, o Critotec Criolipólise e Lipocavitação, Criotec Portátil, Criolipólise e Lipocavitação, Cavitec Lipocativição e Radiofrequência e Membrana para Criolipólise. Além desta medida, também foi proibida qualquer […]

Equipamentos estéticos com registro podem ser utilizados com segurança

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa, suspendeu a fabricação e distribuição de alguns equipamentos estéticos da empresa LipoTec. São eles, o Critotec Criolipólise e Lipocavitação, Criotec Portátil, Criolipólise e Lipocavitação, Cavitec Lipocativição e Radiofrequência e Membrana para Criolipólise. Além desta medida, também foi proibida qualquer tipo de publicidade e comercialização dos produtos no site da empresa Lipotec. A ANVISA, ainda, determinou a apreensão e inutilização das unidades dos produtos encontrados no mercado. Segundo a agência reguladora, o produto era comercializado sem registro, o que consiste em infração sanitária. Ainda, de acordo com a ANVISA, equipamentos estéticos com registro da agência, têm eficácia e segurança comprovadas, ou seja, podem ser utilizados, desde que sejam observados o manual do fabricante e eventuais restrições de uso. Questionados pelo fato do site da empresa ainda estar na internet, a Anvisa informou que deverá ser retirado do ar nos próximos dias. Porém, explica que, a dificuldade nesses casos é que, normalmente, sites que comercializam produtos irregulares são hospedados em servidores localizados em outros países, o que dificulta, sobremaneira, a sua retirada do ar.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2010-2021. Portal da Biomedicina Estética.
logo biomedicina estética