Habilitação em Biomedicina Estética: quando a instituição de ensino faz toda a diferença

A habilitação em Biomedicina Estética pode mudar a vida do biomédico que não quer ficar apenas em um laboratório. Esse curso é para quem tem paixão pela vida e deseja ampliar seus horizontes, trabalhar com a autoestima das pessoas e ganhar satisfação pessoal e profissional. Essa pós-graduação possibilitará o biomédico de atuar como Responsável Técnico […]
A habilitação em Biomedicina Estética pode mudar a vida do biomédico que não quer ficar apenas em um laboratório. Esse curso é para quem tem paixão pela vida e deseja ampliar seus horizontes, trabalhar com a autoestima das pessoas e ganhar satisfação pessoal e profissional. Essa pós-graduação possibilitará o biomédico de atuar como Responsável Técnico em Clínicas de Estética, Centros de Estética, além de ser o ponta pé inicial para quem deseja empreender e se tornar dono do seu próprio negócio. Mas para tudo isso é preciso uma boa qualificação na área da estética e escolher uma instituição que partilha desse mesmo pensamento e que te ajude a mudar completamente de vida.

Confira as fotos do Seminário Clínico em Saúde Estética

[widgetkit id=”30″ name=”Habilitação em Biomedicina Estética – Seminários Clínicos”]

Saiba como escolher uma boa instituição de ensino para a habilitação em biomedicina estética

Depois de tomar a decisão que mudará a sua vida, outro ponto importante é a escolha da instituição de ensino da pós-graduação em Biomedicina Estética, uma que seja reconhecida pelo MEC. O MEC reconhece cursos de pós-graduação em estética que tenham o mínimo de 360h. O Nepuga (Núcleo de Estudos Dra. Ana Carolina Puga), por exemplo, é uma das instituições que fornece curso de pós-graduação para o biomédico na área da estética. O curso é reconhecido pela portaria nº409/202, conforme atesta o edital nº04/2014. Essa instituição tem 560h de curso, sendo 234h práticas em clínicas escola e sala de aula, realizando os procedimentos e 160h de atividades práticas complementares, superando as expectativas do órgão nacional de educação.

Último módulo da habilitação em Biomedicina Estética do Nepuga arremata todo o aprendizado prático oferecido durante todo o curso

Ao longo de 12 meses, o aluno de Biomedicina Estética estuda e pratica diversos procedimentos, mas ter um reforço de tudo o que foi visto no ano, de um modo rápido, prático e intenso, faz a diferença. A última etapa da pós-graduação do Nepuga é o módulo de Seminários Clínicos. Ele é realizado como um evento exclusivo para os alunos. Durante 4 dias, o profissional vive o dia a dia de uma clínica de estética, faz o atendimento a clientes reais e esclarece qualquer dúvida que surgir na hora do atendimento. Na última semana, os alunos das cidades do Rio de Janeiro, de São Paulo e de Ribeirão Preto concluíram esse módulo e, de acordo com eles, essa etapa é fundamental na hora do aprendizado. [widgetkit id=”28″ name=”BANNER PÓS-GRADUAÇÃO BIOMEDICINA – 30-01-2017″]

Comentário (4)

  • Tenho uma dúvida, sou formada em biomedicina pela UFRJ, mas ainda não comecei minha pós em estética. Queria saber se posso fazer cursos livres como microagulhamento, e atender pacientes, enquanto não dou início a minha pós.

  • Gostaria de saber se para atuar como Biomédica esteta eu tenho que fazer a pós especificamente em biomedicina estética ou fazendo uma pós graduação em estética já basta? E quanto aos cursos livres, se eu fizer vários cursos livres e totalizar uma carga horaria de 400h (por exemplo) eu já serei biomédica habilitada em estética?

    • Biomedicina Estética

      tem que fazer a pós de biomedicina estética. se fizer apenas cursos, terá de fazer a prova de título. prova de título requer no mínimo comprovação de atuação de pelo menos 2 anos na área + pós de estética ou cursos (dá na mesma)… só a pós de biomedicina estética habilita direto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2010-2021. Portal da Biomedicina Estética.
logo biomedicina estética