Na noite da última quinta-feira (19/03), às 20h, a Dra. Ana Carolina Puga, como de costume, fez uma live em seu canal do Instagram com o tema “Afinal, o que é saúde integrativa? É exclusiva a quem?”.

Contando sempre com a interação dos seguidores, a doutora esclareceu algumas dúvidas sobre o tema. Leia a matéria e confira o conteúdo da live sobre Saúde Integrativa.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) define “saúde” como estado de bem-estar físico, mental e social, e não  somente como a ausência de doenças! De acordo com esse conceito, a saúde integrativa preza para que o profissional da saúde aborde e conside o paciente como um todo, em suas diversas dimensões como: física, mental, social, etc.

LIVE

Já no início da live, a Dra. Ana Carolina Puga explica que os tratamentos utilizados na Saúde Integrativa, servem como um adicional no tratamento convencional de diversas patologias, e não somente estética. Procedimentos estes como a ozonioterapia, acupuntura, entre outros.

A doutora ressalta ainda que o paciente não deve deixar de fazer o tratamento convencional, e sim usar a prática integrativa como um tratamento complementar.

Um exemplo citado em relação à saúde estética seria aqueles casos em que se trata, por exemplo, emagrecimento, redução de medidas, e muitas vezes não se nota uma evolução satisfatória. 

Além da integração entre estética e um tratamento com nutricionista, às vezes é necessário incluir um tratamento de saúde integrativa, como um detox, acupuntura, para tratar o paciente de dentro para fora  alcançar resultados mais positivos.

Isso permite não só uma melhora na qualidade do atendimento, como também uma melhora na qualidade de vida do paciente. 

Com o aumento da expectativa de vida, hoje em dia, cada vez mais as pessoas buscam tratamentos completos e estar bem consigo mesmas por completo e não só esteticamente. 

 Ozonioterapia

A ozonioterapia é uma forte aliada e uma dos pilares da saúde integrativa. A técnica, que consiste na aplicação do gás Ozônio por meio de injeções, jatos na pele ou cremes, age como bactericida, fungicida, ação contra vírus, tratamento de pé diabético, queimaduras, feridas e até mesmo nas complicações estéticas.

Terapia Neural

É uma terapia que consiste na aplicação de analgésicos em pontos específicos, de acordo com o histórico do paciente, que elimina gatilhos de dor causados por traumas psicológicos, físicos, emocionais que nenhuma técnica convencional havia sido capaz de tratar anteriormente.
Segundo a Dra. Ana Carolina, essa é uma técnica que traz muita satisfação tanto para o terapeuta, quanto para o paciente.

Terapia hormonal

Consiste na reposição de hormônios tanto em homens quanto mulheres para tratar desde questões estéticas, até força física e o emocional.
Este é um dos tratamentos inseridos na saúde integrativa que promovem uma grande melhora na qualidade de vida.
Estes são três dos principais tratamentos que fazem parte do movimento de saúde integrativa, que ainda engloba muitas outras terapias complementares. Para saber mais, fique ligado nas próximas lives da Dra. Ana Carolina Puga.

Qual profissional pode realizar os tratamentos de saúde integrativa

Os tratamentos complementares utilizados na saúde integrativa podem ser feitos por qualquer profissional da saúde, desde que habilitado e dentro da sua área de atuação. A saúde integrativa visa um tratamento mais humanizado que colhe melhores resultados para terapeuta e paciente.

O Nepuga oferece uma Pós-Graduação em saúde integrativa voltada para você, profissional da saúde que busca tratar o seu paciente de forma completa e eficiente para alcançar uma melhora nas queixas do mesmo e consequentemente na sua qualidade de vida. 

Se interessou? Então corra e faça a sua inscrição.

  • Pós Biomedicina Integrativa 24x

Deixe aqui seu Comentário

Login com:

Loading Facebook Comments ...

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor insira seu comentário aqui!
Please enter your name here

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a biomedicina estética é legítima, um direito do biomédico, do biomédico esteta, do graduando em biomedicina e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.

Deixe aqui seu Comentário

Login com: