Um dos assuntos mais comentados atualmente e com excelentes resultados na prática clínica é o tratamento com o conceito Ortomolecular e Saúde Integrativa, que defende o uso PERSONALIZADO de vitaminas, aminoácidos, minerais e enzimas.

Atuar com Ortomolecular e Saúde Integrativa é acrescentar algo a mais no que você já faz. Não são procedimentos específicos de uma determinada classe. Consiste em terapias complementares aprovadas pelo Ministério da Saúde e que podem facilmente ser incorporadas aos procedimentos estéticos.

Muitas dessas terapias não são injetáveis e não usam químicas desconhecidas, contudo são a base de terapias milenares já utilizadas em diversas instâncias.

O blog conversou com a Dra. Ana Carolina Puga para saber mais sobre esse assunto. Confiram!

Dra. Ana Puga, sobre a Ortomolecular e Saúde Integrativa. É tão procurado e valorizado pelas pessoas?

Hoje em dia com o aumento da estimativa de vida, certamente a população está cada vez mais valorizando estas terapias, pois sabem dos benefícios reais oferecidos principalmente na qualidade de vida e na PREVENÇÃO de doenças. Vejo então que para nós profissionais da saúde que somos profissionais à serviço da saúde, devemos manter cada vez mais o pacientes saudável, lembrando que não tratamos de doenças, mas sim da saúde e prevenção do paciente. E com toda esta onda envelhecimento saudável, ou seja, cuidados na idade jovem para se ter uma velhice livre das doenças degenerativas, vale investir em terapias das saúde integrativas e ortomolecular. Pois é o futuro!!

É tão rentável como a estética?

Sim! Super rentável e econômico, principalmente os custos de execução e manutenção destas terapias na clínica. O maior ganho é a fidelização de seus pacientes por conta da satisfação que terão nos resultados obtidos, pois ele não encontrará atendimento tão completo assim nas demais. Por isso quanto antes vocês se preparar e quanto antes se estabelecer, mais SORTE terá.

 Em termos de competição como a Ortomolecular e Saúde Integrativa é vista atualmente?

O momento certo é agora! Quase não há clínicas que associam essas terapias à estética. Estou lançando em primeira mão o conceito com a pós de Saúde Integrada e Ortomolecular pelo NEPUGA. O estudo da estética você já possui, desta forma iremos acrescentar as terapias associadas e daremos um salto muito quântico dos demais profissionais que são apenas estetas.

O que é necessário para exercer?

Após fazer cursos na área, você pode associar-se junto ao sindicato dos terapeutas, tornando-se uma Terapeuta Ortomolecular e exercendo essa atividade com o pleno conhecimento do assunto.

Quais procedimentos estes profissionais poderão exercer?

Nas práticas interativas há diversos procedimentos, entre eles está a Ozonioterapia, Fitoterapia, Cromoterapia, Acupuntura, Bioressonância e Ortomolecular.

Os 4 pilares da Saúde Integrativa e Ortomolecular

Os cursos e Pós-Graduação em Saúde Integrativa e Ortomolecular tem como objetivo preparar os profissionais graduados nas áreas as saúde à prática de procedimentos que atuam diretamente nos 4 pilares da saúde que foram cuidadosamente bem estudados e concluídos no programa de Pós-graduação pela Dra. Ana Carolina Puga.

  • Saúde (Prevenção)
  • Bem-Estar (Gerenciamento do Stress)
  • Performance (Ganho de Vitalidade)
  • Estética (Diferencial de Mercado pela aceleração de resultados).

Reconhecimento pelos Conselhos

A Ortomolecular é reconhecida por alguns conselhos de classe, como a medicina e nutrição. Portanto, caso o seu conselho não permita, você poderá atuar como terapeuta usando todos os conhecimentos desta área para os benefícios complementares dos seus pacientes.

Enfatizando, todos os profissionais que desejam atuar nesses 4 pilares da saúde com ortomolecular e saúde integrativa, pode sim fazer parte do mesmo atuando como terapeuta.

Biomedicina
Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a biomedicina estética é legítima, um direito do biomédico, do biomédico esteta, do graduando em biomedicina e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.