Saúde Estética: Quem pode se especializar?

A Saúde Estética, segundo a definição do SBBME, é a área que tem como principal objetivo promover saúde através da beleza. Sendo um meio de melhorar as condições de bem-estar físico, mental e social do indivíduo, e assim proporcionar a prevenção de doenças, rejuvenescimento fisiológico, melhora da autoestima e hábitos de vida. Partindo desse conceito, […]
Saúde Estética
A Saúde Estética, segundo a definição do SBBME, é a área que tem como principal objetivo promover saúde através da beleza. Sendo um meio de melhorar as condições de bem-estar físico, mental e social do indivíduo, e assim proporcionar a prevenção de doenças, rejuvenescimento fisiológico, melhora da autoestima e hábitos de vida. Partindo desse conceito, diversos profissionais da área da saúde como, biomédicos, enfermeiros, farmacêuticos, dentistas, biólogos e fisioterapeutas, encontram na estética uma possibilidade de ingressar em um mercado em ascensão, sem  perder o propósito de ajudar e tratar pessoas. Diferente dos esteticistas (graduados em estética), os estetas são profissionais que possuem formação na área da saúde, mas se especializam em estética. E devido a bagagem que possuem em relação a anatomia, fisiologia, fármacos, bioquímica e injetáveis, podem atuar na área da Saúde Estética.

Assim surge a dúvida: Quais profissionais da saúde podem atuar na estética? 

Atualmente, os conselhos que reconhecem a habilitação em estética são o de biomedicina, farmácia, enfermagem, odontologia e biologia. No entanto, outros conselhos já estudam a aprovação da estética para suas respectivas classes. A Ma. Dra. Ana Carolina Puga, mãe da Biomedicina Estética, explica como funciona a regulamentação, “Todo profissional da saúde está registrado em um conselho de classe e cada conselho regulamenta as atividades daquele profissional. Por exemplo, eu sou biomédica e estou inscrita no conselho de classe da biomedicina, então os enfermeiros, farmacêuticos, dentistas e biólogos estão registrados no conselho de sua classe. Então esses profissionais que eu citei, pertencem a conselhos que já publicaram resoluções referente a atuação na estética”. Dessa maneira, no que diz respeito à atuação regular do profissional na Saúde Estética, os conselhos são a peça chave para que os demais profissionais da área da saúde também possam ser estetas.

A relação entre saúde e procedimentos estéticos

Com a possibilidade de realizar procedimentos minimamente invasivos e invasivos não-cirúrgicos, os profissionais da Saúde Estética contribui significativamente em diversas áreas de atuação da estética, como: -Procedimentos cutâneos com a utilização de micro agulhas promovendo a saúde da pele; -Procedimentos relacionados à carboxiterapia, que utiliza o gás carbônico como forma medicinal para estimular a melhoria da circulação e oxigenação dos tecidos; -Procedimentos estéticos relativos à criolipólise que busca, de forma não invasiva, reduzir a gordura localizada através de técnicas de resfriamento; -Procedimentos relacionados à eletroterapia, visando melhorar os tecidos ou auxiliar em tratamentos de saúde dos pacientes; -Procedimentos realizados por meio de aplicações de injeções de substâncias específicas, corrigindo deformações ou atuando para o tratamento de disfunções.

Como se tornar um profissional esteta?

Para atuar na área da Saúde Estética, antes de mais nada é necessário ser um profissional graduado na área da saúde, como nas áreas que foram citadas acima, e realizar uma especialização na área. A Pós-graduação ou especialização em Saúde Estética, fornece acesso ao conhecimento necessário para que o profissional atue com as técnicas direcionadas à estética. Através do estudo prático e teórico, o profissional  consegue desenvolver as habilidades necessárias para oferecer o melhor tratamento possível aos seus pacientes. Por fim, os profissionais da saúde, que pretendem mudar de área, precisam ter em mente, que ao contrário do que pensam, a Saúde Estética é uma área que exige dedicação e aprofundamento, afinal a estética influencia diretamente no bem-estar físico, psicológico e social do paciente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2010-2021. Portal da Biomedicina Estética.
logo biomedicina estética